Inovaplan

O que o comprador de smartphones quer realmente do aparelho

Esqueça reconhecimento de digitais e eye-tracking. Quem compra celular quer é mais tempo de bateria. É o que concluiu uma pesquisa feita com usuários britânicos.

Facilidade de uso foi a maior prioridade para 29% dos entrevistados. Em seguida, com 19% foram indicadas igualmente qualidade de recepção e tempo de bateria. Ser à prova d’água ou ter lentes com zoom também conta mais pontos para os entrevistados.

O estudo, conduzido para o site de comparação de preços uswitch.com sugere que aspectos como eye-tracking (que rola a tela conforme você lê) e controle por voz despertam pouco interesse junto aos proprietários dos smartphones, com 75% declarando que a tecnologia de eye-tracking tem pouco apelo para eles, e mais da metade informou nunca ter usado o controle por voz.

Ernest Doku, do site uswitch.com disse que está ficando cada vez mais difícil para os fabricantes diferenciar seus produtos dos concorrentes. Eles esperam que características como identificação por impressões digitais no iPhone 5s ou que o display de perspectiva dinâmica no Amazon’s Fire Phone irão levar estes aparelhos para a dianteira.

A percepção que fica é que um britânico pode farejar estas características sofisticadas, mas sem uso para o dia-a-dia a um kilômetro de distância. As pessoas ligam mesmo é para as características que podem afetar a experiência de uso no dia-a-dia, tais como tempo longo de bateria e design robusto.

Mas a dúvida que fica é se os fabricantes não perderam aquele profundo entendimento do usuário que parecia haver quando lançaram estes produtos. Afinal, muita coisa mudou desde o primeiro smartphone (que realmente mereceu este título), o iPhone da Apple em 2007. E se a pesquisa fosse feita no Brasil? Não sou expert no setor, que o suporte a mais de um chip seria relevante em boa parte dos compradores destes aparelhos.

Saiba mais aqui.

Fonte: The Telegraph London

Related Articles

Leave a reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

PROJETOS

PROJETOS

NEWSLETTER